Matéria fala sobre o buffet em Burlesque

0

As filmagens acabaram, mas as pequenas matérias continuam saindo. A rádio nacional americana criou um artigo sobre “como Hollywood se alimenta”, e grande parte da matéria é dedicada ao chef Charlie Scott, que trabalhou em Burlesque e está nesse meio há 15 anos.

O rapaz parece bem simpático – o filho dele é seu principal assessor, para passarem mais tempos juntos. Ele acordava às 4:30 para quando o elenco chegasse às 5h, o café já estaria servido e quente – e Scott, sempre sorrindo, preparando a próximo refeição em um trailer afastado dos sets.

A correria era muito, pois uma refeição era servida e a produção da próxima começava. Cerca de 250 pessoas trabalham todos os dias em Burlesque e nunca sobrava comida. Dos café da manhã recheado de frutas até os churrascos, tudo ficava sob o comando dele. Até mesmo as vitaminas, para alguém que não se sentisse bem no set. Ele gastava cerca de mil dólares por dia para alimentar a equipe toda.

Bom, quase toda. Na matéria que passou na rádio (e não foi postada no site), ele comentou que não cuidava da alimentação da Cher, porque ela levou o próprio chef. Ela também não tomava a água que era servida aos demais, porque elas vinham em garrafas de plástico – Cher só toma em garrafas de vidro.

Responder

Por favor, comente
Por favor, digite seu nome