Resumo da entrevista ao Kid Kraddick

5

A entrevista no Kid Kraddick foi bem rápida, mas cheia de elogios. O grupo de DJs parece ser muito fã dela. Eles começaram a elogiar e a fala bem dela antes dela entrar no ar. A entrevista foi ao vivo e ela estava terminando uma entrevista em Nova York antes de falar com eles por telefone.

Quando começou, eles relembraram que a última vez que se falaram foi em 1999, antes dela ir para a formatura do colegial. Ela relembrou aquela história de que as meninas saíram da pista de dança quando Genie In A Bottle começou a tocar. Foi triste na época, mas ela vê que hoje ela está rindo melhor. Quando eles perguntam o que será que essas garotas estão fazendo, ela responde: “Quem se importa, né?”.

Os elogios continuam quando eles falam que sentiram saudades delas. Ao tocar um trecho de Not Myself Tonight, eles brincam – “perdão, eu percebi que você perdeu sua habilidade de cantar muito bem”, e riem. Ela então comenta que quando estava grávida do Max, nos últimos três meses da turnê Back to Basics (quando, inclusive, o DVD foi gravad0), ela não estava conseguindo atingir determinadas notas. Ficou tão preocupada que ligou para o médico para saber se estava perdendo a voz, e só relaxou quando ele disse que isso era normal na gravidez.

No assunto de turnês, ela comentou ainda que pediu conselhos à Gwen Stefani sobre como fazer uma turnê com filho pequeno. Como Gwen tem a banda do No Doubt com ela, tinha bastante gente olhando os filhos enquanto viajavam pelo mundo, coisa que a Christina não tem. A solução é levar Jordan junto para fazerem um programa de família. Também disse que não vai esconder do Max as fotos ou vídeos sensuais, pois isso seria mandar a ele “a mensagem errada”. Ela quer que ele saiba que mulheres são e podem ser sensuais, para que eles as respeite sem preconceitos.

Ela comentou que o álbum deveria ter sido lançado há um ano atrás, mas que Burlesque tomou 6 meses da agenda dela.

Eles perguntaram à ela se ela realmente lê livros eróticos no banho, e ela disse que sim. O livro é especial e por isso “as páginas não molham, mas o que tem que ficar molhado, fica”. Ok Christina, continue nos dando detalhes, hehe.

Também perguntaram sobre Adam Lambert. Tocaram um trecho do single dele, “For Your Entertainment”, logo depois de tocar um trecho de “Keeps Gettin’ Better”. Eles dizem que acharam as duas muito parecidas e ele parece ter se inspirado nela para fazer essa música. Ela disse que se sente honrada pela suposta inspiração (“todos nós tiramos ideias de algum outro lugar, certo?”), mas que não pode receber o crédito já que não participou da composição dessa música. Aliás, se o Adam estivesse ouvindo, ia ficar um pouco chateado, suspeito eu. Ele vive falando bem e empolgando-se com a Christina e pela reação dela, foi bem claro que ela nem sabe quem ele é.

Eles então comentam que, há dez anos, era certo que Christina seria a problemática e que Britney seria a que se acertaria na vida, e teria uma boa família e filhos. Eles perguntam o que Christina acha disso, já que as figuras mudaram inesperadamente. Ela então comenta que as pessoas pulam em conclusões sem motivos. Ela já ouviu isso de outras pessoas só porque ela não fazia mais o papel de virgem e nunca jogou seguro na própria carreira, sempre quis ousar em determinados aspectos e sons.

Eles continuam elogiando dizendo que foram ao show da turnê Back to Basics e que foi o melhor concerto que eles já atenderam. Um dos DJ’s diz ainda que a performance no Grammy de 2007 foi a melhor performance da história da premiação, sem dúvidas (eles trocaram um trecho da apresentação; eu sempre tenho calafrios quando ouço! Na rádio fica ainda melhor, parece). Ela disse que ficou nervosa para assistir a gravação, e que Jordan teve muito trabalho para convencer ela a ver – ela acabou precisando de umas bebidas antes de assistir, porque é muito prefeccionista.

A entrevista foi curta, não falaram muito no Bionic, mas foi simpática e cheia de risadas. Além de elogiarem muito ela, eles também tocaram trechos de Genie, Dirrty, Ain’t No Other Man, Beautiful, Oh Mother e Hurt, além das que já citei acima.

5 comentários

  1. foi lindo. eu ri bastante com ela.
    mas tb senti falta de falar de bionic.
    e a vozinha dela falando é sempre… perfeita, né? fofa, não tem como descrever. ♥ maior amor.

  2. Gente… que historia é esse de : Ela relembrou aquela história de que as meninas saíram da pista de dança quando Genie In A Bottle começou a tocar. ???? alguem me conta, pq eu nunca soube… please!

Responder

Por favor, comente
Por favor, digite seu nome